Hiperhidrose - Você sabe o que é?


28 março 2017

suor excessivo
www.tudoamais.com
Você sabia que existe uma doença que se caracteriza pelo suor excessivo em determinadas partes do corpo? Pois é, existe sim e é um pouco sobre isso que vamos falar hoje.

Muita gente desconhece o que é a hiperhidrose, que é sim uma doença que acomete muitas pessoas e pode mexer muito com o emocional delas pois não afeta somente o corpo da pessoa portadora, afeta também a sua vida social, podendo levar a depressão e isolamento.

Bom, mas afinal o que é essa tal hiperhidrose? Como ela se manifesta?


A hiperhidrose nada mais é do que o suor excessivo em determinadas regiões do nosso corpo, como axilas, palma das mãos, rosto, cabeça, sola dos pés ou até mesmo na virilha. A falta de informação em saber que isso é uma doença e tem sim tratamento ainda é um grande obstáculo. Mesmo nos dias atuais ainda pouco se fala sobre o assunto.

Infelizmente pela falta de informação muitas pessoas acabam sofrendo muito com isso, algumas acabam se isolando das vidas sociais e entrando até em depressão. Afinal não é nada agradável você fica "suando" em determinada região que pode sim muitas vezes vir a ter mal cheiro. Mas calma, tudo nessa vida tem solução!!!! Vamos falar um pouco também sobre quais tratamentos existem...

  • IONFORESE: nada mais é do que um aparelho que neutraliza as glândulas sudoríparas (glândulas responsáveis pelo suor), essa neutralização é feita por corrente de íons. Esse procedimento deve ser feito de 1 a 2 vezes/dia entre 15 a 30 minutos.
  • TOXINA BOTULÍNICA: simplesmente o tão famoso "BOTOX", esse não é um método permanente pois é necessário reaplicação de tempos em tempos. O procedimento consiste em aplição a toxina nas áreas afetadas, onde ela age bloqueando os estímulos nervosos da glândula.
  • SIMPATECTOMIA: procedimento cirúrgico onde é feito em últimos casos, quando nenhum dos outros tratamentos obtém resultado satisfatório. Consiste em cortar parte dos nervos das glândulas para reduzir a atividade delas e consequentemente reduzir o suor excessivo
  • ASPIRAÇÃO DA GLÂNDULA: esse tratamento é mais indicado para hiperhidrose axilar. Normalmente é realizado com anestesia local e é um tratamento com baixo desconforto. A maior parte dos pacientes tem ótimos resultados, com 80 a 90% de sucesso, sendo que os resultados aparecem entre 2 a 8 meses após o procedimento.


E vocês já conheciam essa doença? 

Sei que o post de hoje é bem diferente do que estamos costumados a ver por aqui, mas achei interessante começar a trazer alguns posts mais explicativos e também de orientação para vocês! não sei todos sabem mas sou técnica de enfermagem e instrumentadora cirúrgica, não atuo mais na área mas tudo que envolve saúde me fascina. E acho muito legal quando temos meios de levar informações úteis e que até mesmo podem ajudar muitas pessoas!!!

Compartilhem esse post, pois muita gente pode ter hiperhidrose, sofrer com isso e nem saber que realmente é uma doença mas que tem sim tratamento. 

Espero demais que vocês tenham gostado do conteúdo de hoje, deixem nos comentários o que vocês acharam e me dêem um feedback se gostam desse tipo de post.

Super beijos e até a próxima!!!




Fonte de informações: SBCD - Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica



2 comentários:

  1. Já conheci pessoas que tem isso e aconteceu de fazer esse tratamento e migrar pra outro local, que difícil isso.
    É muito difícil eu suar, mas quando acontece já fico irritada, imagina pra quem tem esse excesso?!

    ResponderExcluir
  2. Conheço muita gente com esse problema ):

    ResponderExcluir

© Tudo a mais - Mô Azevedo / Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design
Tecnologia do Blogger.